50 anos de Bottega Veneta para vogue.pt

23:23



Uma marca que cresce de forma tão discreta que não precisa de um logótipo para se identificar - as iniciais B e V são suficientes. No ano em que celebra o seu 50º aniversário e depois de um desfile que cruzou gerações de supermodelos, percorremos os melhores momentos da Bottega Venetta. 




Numa década totalmente focada no movimento hippie e nos mais emblemáticos nomes do rock, Vicenza, uma pequena cidade na região de Veneto, no norte de Itália, focava-se no artesanato. Era aqui que se concentravam alguns dos mais hábeis ourives, especialistas em criar peças de luxo, e foi nesta altura que o casal Vittoria e Laura Moltedo decidiu abrir a primeira loja da Bottega Veneta. Focada na construção e venda de acessórios em pele feitos à mão, tornou-se conhecida pelo intrecciato, uma técnica de tecelagem que acabaria por tornar-se num dos símbolos da marca. O sucesso da Bottega Venetta chegou no final na década de 70, com um lançamento que viria a tornar-se num dos seus maiores ícones: as pequenas carteiras de mão transformaram-se em verdadeiros objetos de desejo e voavam das prateleiras das lojas para os looks das amantes de Moda da época. LER O TEXTO NA ÍNTEGRA EM vogue.pt




You Might Also Like

0 comentários

Instagram

Pinterest

Facebook Page

A Fox Life recomenda